Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Temples - Sun Structures

Sábado, 15.02.14

Naturais de Kettering, no Reino Unido, os Temples são uma nova banda de rock psicadélico formada por James Edward Bagshaw (vocalista e guitarrista), Thomas Edison Warsmley (baixista), Sam Toms (baterista) e Adam Smith (teclista e guitarrista) e que acaba de se estrear nos discos com Sun Structuresum trabalho que viu a luz do dia a onze de fevereiro de 2014, através da Fat Possum. Este projeto nasceu em 2012 mas ganhou amplitude a partir do último verão, quando se deram a conhecer em vários festivais na Europa, nos Estados Unidos e no Canadá e conquistaram já uma legião de fãs, ansiosa pela chegada deste álbum.

Sun Structures é mais uma confirmação do que era naturalmente expetável; O sucesso dos Tame Impala, assim como a consolidação dos TOY, The Horrors, POND, ou os próprios MGMT abriu uma espécie de caixa de pandora e onde a estética sonora que reinventaram serve de inspiração para novos projetos, como é o caso dos Temples, mas onde também podemos arriscar incluir os norte americanos Moon Duo ou os os Wooden Shjips, além dos conterrâneos Black Market Karma.

Mas claro que há diferenças óbvias entre os Temples e, por exemplo, os Tame Impala. A mais notória é a perigosa proximidade dos Temples aos Beatles, que, com respectivas indiossincracias, é mais óbvia que nos Tame Impala. De resto, o disco segue as regras esperadas: está lá o desfilar de electricidade e de fuzz, ouve-se ao fundo voz etérea e a secção rítmica é assertiva, sendo a bateria uma das importantes mais valias deste trabalho. Sand Dance assenta em referências óbvias, que nos levam a David Gilmour, Roger Waters e Syd Barrett, Mesmerise, um dos destaques de Temples, é um tema clássico no que diz respeito à conexão feliz entre o fuzz de uma guitarra e a secção rítmica vitaminada que encorpora o rock psicadélico dos anos sessenta. O mesmo sucede com Fragment's Light e Sun Structures, canções onde a intimidade centra-se no baixo e na guitarra, feita e vivida com extremo charme e classe, muito à moda de um estilo alinhado, que dá alma à essência daquele rock muito britânico. Mas também há um piano fantástico, que é sempre um instrumento válido para a criação de ambientes psicadélicos, neste caso em Move With The Seasons, uma das canções mais calmas e bonitas do disco. Tudo isto foi antecedido de Shelter Song, o tema de abertura do álbum, que induz-nos com clareza no ambiente sonoro típico de Temples e faz-nos, com grande eficácia, o convite para uma viagem no tempo, do passado ao presente.

Sun Structures é o disco de estreia de uma banda que aposta em melodias contagiantes e que parece ser mais experiente do que o seu tempo de existência, tal é o grau de maturidade que já demonstram neste trabalho. A experiência que Bagshaw e Thomas Edison trazem de bandas como The Moon e Sukiestambém terá sido importante para a materialização desta evidência. O indie rock psicadélico, no reino que o viu nascer, está vivo e recomenda-se. Espero que aprecies a sugestão...

Temples - Sun Structures

01. Shelter Song
02. Sun Structures
03. The Golden Throne
04. Keep In The Dark
05. Mesmerise
06. Move With The Season
07. Colours To Life
08. A Question Isn’t Answered
09. The Guesser
10. Test Of Time
11. Sand Dance
12. Fragment’s Light

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por stipe07 às 21:10


1 comentário

De pSalaberth a 19.02.2014 às 17:34

Mt bom. Com tempo ouço o resto. Obrigado.

Comentar post






mais sobre mim

foto do autor


Parceria - Portal FB Headliner

HeadLiner

Man On The Moon - Paivense FM (99.5)

Man On The Moon · Man On The Moon - Programa 425


Disco da semana 118#


Em escuta...


pesquisar

Pesquisar no Blog  

links

as minhas bandas

My Town

eu...

Outros Planetas...

Isto interessa-me...

Rádio

Na Escola

Free MP3 Downloads

Cinema

Editoras

Records Stream


calendário

Fevereiro 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
232425262728

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.