Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



The Sweet Serenades - Stand By Me EP artwork

Terça-feira, 22.10.13


Os suecos The Sweet Serenades são uma dupla, natural de Estocolmo, formada em 2002 por Martin Nordvall e Mathias Näslund, mas já se conhecem há vários anos, sendo amigos de longa data desde 1991. Editaram há cerca de um ano Help Me!, através da Leon Records, um selo da própria banda, um disco que foi alvo de crítica em Man On The Moon e de um take no programa do blogue na Everything Is New Tv. Agora, eles estão prestes a regressar aos lançamentos discográficos com um EP chamado Stand By Me, a quinze de novembro.

Nessa altura divulgarei o conteúdo do EP que já tive o privilégio de conferir mas, para já, gostaria de vos falar da portuguesa Margarida Girão; Ela é o génio criativo por detrás da Collages Margarida Girão e foi a responsável pela criação do belíssimo artwork deste EP, que usa como principal técnica a colagem.

Assim que vi o artwork do EP e que soube que era da autoria de uma congénere, não hesitei em entrar em contacto e coloquei à Margarida algumas questões sobre esta iniciativa de criação do artwork do novo EP dos The Sweet Serenades e sobre a sua carreira como designer.

Confere a entrevista à Margarida Girão onde ela fala do seu trabalho e da concepção deste artwork e, no final da transcrição, o resultado final. E fica atento, porque em novembro divulgarei a minha crítica ao novo EP deste fantástica banda sueca.

 

Qual é o conceito artístico da Collages Margarida Girão?
+ O conceito varia de trabalho para trabalho, mas a técnica é colagem.

Como surgiu a possibilidade de trabalhar com os suecos The Sweet Serenades?
+ Entrei em contacto com eles com a proposta de ilustrar a capa de um albúm, viram o trabalho, gostaram e começamos a trabalhar.

Na minha opinião, o artwork ficou fantástico. Pode descrever aos leitores de Man On The Moon um pouco do processo criativo deste projeto em particular?
+ A primeira fase vou seleccionar alguns dos meus trabalhos já realizados que pudessem funcionar como fio condutor do que eles procuravam. Houve uma sessão fotográfica,  feita por eles na Suécia, mas previamente discutida comigo.
Depois foi iniciar o trabalho com trocas de email e conversas skype com o Martin - escolha de cores, sugestões, ideias. Tudo o que um trabalho deste género envolve. 
Foi com o Martin, vocalista, com quem trabalhei e gostei muito: responsável e profissional. 

Já teve a oportunidade de ouvir o EP Stand By Me e trabalhos anteriores deste grupo sueco? Que achou?
+ Já ouvi tudo. E gosto do trabalho musical dos Sweet. São divertidos, às vezes lamechas e descomplexados (o que é óptimo). Gosto da forma como se comunicam a nível de imagem, não se levando muito a sério. 

Ficou entusiasmada e disponível para trabalhar em outros projetos e ideias, em parceria com mais bandas ou projetos musicais? Existe já algo em vista?
+ Eu estou sempre entusiasmada e disponível para trabalhar em projectos musicais, desde que me interessem, claro. O que em música significa que goste das canções.
Este não foi o meu primeiro trabalho na área. Em 2011 ilustrei o CD do primeiro álbum dos Capitães d'Areia, o Verão Eterno. 

O que podemos esperar do futuro da Collages Margarida Girão?
+ Não sei. Ainda estou a construir o presente. É uma questão de seguir o trabalho.

E música... O que ouve a Designer Margarida Girão?
Se calhar fica bem responder que ouço os Sweet Serenades, não é? 
Pois. Ouço The Sweet Serenades. 
COVERLP+PINE
back_LP
Label

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por stipe07 às 17:32






mais sobre mim

foto do autor


Parceria - Portal FB Headliner

HeadLiner

Man On The Moon - Paivense FM (99.5)

Man On The Moon · Man On The Moon - Programa 423


Disco da semana 117#


Em escuta...


pesquisar

Pesquisar no Blog  

links

as minhas bandas

My Town

eu...

Outros Planetas...

Isto interessa-me...

Rádio

Na Escola

Free MP3 Downloads

Cinema

Editoras

Records Stream


calendário

Outubro 2013

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.