Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



it begins in...

Terça-feira, 25.03.08

25_03_2008

 

dou início ao meu blog com excerto de um texto de apresentação... 
este blog é criado pela necessidade de partilhar, pela intuição forte de que uma nova era na minha vida está prestes a se iniciar, uma fase talvez decisiva e que talvez seja importante haver um registo que testemunhe os meus próximos tempos...
 
neste blog serão colocados, de forma aleatória, sem qualquer pretensão de organizar e sistematizar, textos relacionados com a minha vida, os meus gostos pessoais e aquilo que me for sucedendo...
 
aviso desde já que sou um péssimo escritor mas que amo as palavras...

 

 
 
chamo-me joão e tenho o nome que sempre quis... para ser honesto, dificilmente aceitaria andar neste mundo carregando outra palavra que me identificasse, pela qual fosse chamado! é um nome curto, fonéticamente apelativo... ando por aqui desde 1975 (...) anda por aí outro... igualzinho a mim! :)
 
cresci no seio de uma família que preza os valores familiares tradicionais, que defende um grande apego à terra, ao trabalho e à solidariedade entre todos os que fazem parte deste pequeno mundo! estes valores acabaram por moldar também a minha personalidade e hoje, muito daquilo que sou e dos sonhos que presigo, fundamentam-se nestes ideais!
 
a escola sempre fez parte da minha vida.... foi nela que cresci e é nela que continuo a aprender todos os dias! a escola e a música... (...)
 
no primeiro dia em que entrei na minha escola primária, percebi logo que era ali que queria passar o resto dos meus dias! já sabia ler desde os 4 anos devido ao fascínio que os livros e as letras sempre me criaram e à paciência de uma prima mais velha que adorava cuidar de mim e usar-me como cobaia nas suas primeiras experiências educativas! nesse mesmo primeiro dia de aulas ignorei completamente o meu lugar na plateia e, assim que pude, experimentei a sensação da secretária e do pó de giz! fui cimentando o meu percurso escolar com excelentes notas, sendo sempre um aluno dedicado mas também muito crítico e irreverente!
 
com 22 anos entrava de novo e pela primeira vez, numa sala de aulas, mas agora... como Professor! foi um dos dias mais felizes da minha vida... começava ali a minha independência profissional e acabava de realizar o grande sonho que sempre persegui devido ao meu amor pela educação e pelo mundo infantil! hoje em dia tenho uma carreira de 10 anos como professor do 1º CEB.
 
conhecido e reconhecido desde sempre como alguém com um enorme sentido prático, grande capacidade organizativa, de liderança e de entrega ao trabalho, fui convidado em maio passado para fazer parte de uma lista concorrente ao Conselho Executivo de um Agrupamento de Escolas, mesmo ao lado da minha casa, em Estarreja! hoje em dia sou o responsável máximo por todas as Escolas do 1º CEB (Escolas Primárias) do Concelho onde nasci e resido, estando sem componente lectiva, a exercer única e esclusivamente funções de liderança e de gestão.
 
quanto à música... aqui torna-se mais explicado fazer uma descrição tão concisa e concreta porque a música é uma forma de arte e por isso, de difícil explicação racional! a música entrou na minha vida desde muito novo devido ao fascínio que nutria por um gira-discos do meu pai, onde era possível ouvir LP's variados! enquanto muitos amigos adoravam cowboiadas e roubar fruta aos vizinhos, também gostava de passar o meu tempo a ouvir aqueles discos, interrompendo só tais audições para as tardes de futebol de rua.
 
quando comecei a receber mesada havia um objecto obrigatório nas minhas despesas... o jornal "blitz". com 12 anos recebo a minha primeira aparalhagem onde finalmente poderia gravar em cassete algumas das minhas músicas preferidas que passavam nas rádios... com 15 anos, em 1990, aparecem em Portugal os primeiros CD's... e, no ano seguinte, dá se o grande ponto de viragem que me marcou para o resto da vida; nessa altura ouve-se em todas as rádios, o maior hit da década de 90; "losing my religion" dos REM...
 
foi uma espécie de click que me transformou completamente! peço 3 meses adiantados de mesada, comprometo-me a trabalhar no verão para compensar os meus pais e exigo no meu aniversário um leitor de CD's. com ele vem também o aclamado "out of time" dos REM, primeiro disco da minha colecção, logo acompanhado com o dinheiro ganho no verão, pelo "seven" dos James, " o "gish" dos Smashing Pumpkins, o "october" dos U2 e o extraordinário "nevermind" dos Nirvana! ainda hoje guardo religiosamente todos estes discos, peças únicas que iniciaram uma bela colecção de CD's que já vai, neste momento (excepto as cópias e colectâneas) em cerca de 600 exemplares!
 
a minha adolescência é vivida sempre com um forte apego à música! as conversas com os amigos giravam sempre à volta dela, a literatura do género consumia-me e os programas de música radiofónicos mais alternativos eram sempre ouvidos com uma atenção e fascínio enormes!
 
o início da minha actividade profissional como docente dá-se, como já referi atrás, aos 22 anos, no concelho de Castelo de Paiva, famoso por ter sido o local onde se registou o acidente rodoviário mais trágico de que há memória no nosso país! aí, um pouco afastado de casa, mas feliz, descubro um pequeno bar onde a música era um culto! logo sobressaio pelos meus conhecimentos musicais, construindo uma forte amizade com o DJ residente, figura proeminente da localidade, como jornalista e crítico musical! as noites em branco a discutir música, a trocar e a ouvir discos sucedem-se até que ele me desafia a "pegar nas máquinas"! segundo ele, nunca viu ninguém que tão precocemnte denotasse uma capacidade tão forte de "colar", de viver o DJing como uma forma não de promoção, mas como simples gozo!
 
no segundo ano de serviço, colocado no mesmo concelho, mas agora com um horário de trabalho que me libertava de manhã, começo a tomar conta das primeiras noites naquele bar como DJ de serviço; e é nessa época que o "Canastro" conhece a sua fase mais gloriosa! vinham pessoas de longe só para ouvir o que não se ouvia em mais lado nenhum! entro numa fase da minha vida em que sou desafiado para profissionalmente ir um pouco mais além em termos musicais, mas não o faço por variados factores... a minha paixão pela música tinha uma forte componente de satisfação pessoal e não de reconhecimento por parte dos outros, tudo isto era vivido pelo gozo, seria impossível para mim passar discos num sítio qualquer onde fosse imposta a música que teria de passar e, o mais importante de tudo, o meu amor ao ensino, à mniha profissão, nunca poderia ser beliscado por qualquer outra actividade!
 
hoje, continuo a ter um pequeno T0 em castelo de paiva, o meu pequeno refúgio, o meu mundo, o meu santuário, o meu armazém! vivo com os meus pais em estarreja mas, quando os fins-de-semana me permitem é para lá que fujo, para me isolar, para escrever, para ler, para ouvir e para descansar! e é lá que me encontro agora...
 
neste momento sou DJ num outro bar aqui em castelo de paiva, de um grande amigo meu, estando reservadas para mim, sem qualquer obrigatoriedade, remuneração ou compromisso, as noites de sexta-feira.
 
quanto ao resto... à minha maneira de ser... torna-se um pouco mais complicado porque, quando temos de o fazer, talvez a pessoa mais difícil de falar acerca daquelas que nós conhecemos, acaba por ser termos de falar de nós mesmos!
 
quem me conhece diz que sou conhecido como alguém que se emociona facilmente e com uma capacidade enorme de perdoar, sendo este considerado um dos meus maiores defeitos! algum orgulho, teimosia, pessimismo e desconfiança em relação às reais intenções dos outros também são apontados como factores menos positivos da minha pessoa!
 
 sou bastante tímido e reservado, imensamente trapalhão, o que, segundo algumas experiências anteriores, acaba por fazer dos meus momentos de sedução, momentos de alguma... comédia, digamos assim! (...) há sempre algo que acontece!
 
tenho duas sobrinhas, filhas do meu tal outro igual a mim e canalizo para elas todo este desjo enquanto não lhes dou um primo! sei que um dia Deus irá dar-me esse prazer, de saber que quando partir deixarei um legado neste mundo!
 
bom... posso acrescentar que não gosto de escrever com letras maiúsculas, gosto de pintar quadros a óleo no pátio do meu T0 de castelo de paiva! adoro conduzir, visitar cidades com castelos, ler livros de história e com história, ver futebol ao vivo, comprar jornais pela manhã, ver o segundo canal, correr o país atrás de bons concertos, fazer mergulho no mar e nadar nu no rio paiva, jogar futebol com os amigos e comer bem.
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por stipe07 às 15:24


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.






mais sobre mim

foto do autor


Parceria - Portal FB Headliner

HeadLiner

Man On The Moon - Paivense FM (99.5)

Man On The Moon · Man On The Moon - Programa 423


Disco da semana 117#


Em escuta...


pesquisar

Pesquisar no Blog  

links

as minhas bandas

My Town

eu...

Outros Planetas...

Isto interessa-me...

Rádio

Na Escola

Free MP3 Downloads

Cinema

Editoras

Records Stream


calendário

Março 2008

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.