Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Moon Duo – Shadow Of The Sun

Quinta-feira, 05.03.15

Oriundos de São Francisco, na Califórnia, os norte americanos Moon Duo, de Ripley Johnson e Sanae Yamada, são já uma banda incontornável do indie rock psicadélico atual. Detentores de um trajeto discográfico imaculado e já com vários pontos altos, nomeadamente Circles e Mazes, encontraram na Sacred Bones o refúgio perfeito para explorar o hipnotismo lisérgico, com uma forte dimensão espacial, que carateriza a sua música. Gravado numa bafienta cave de Portland e editado no passado dia três de março, Shadow Of The Sun é o terceiro tomo de uma saga que merece figurar já nos anais dos melhores percursos discográficos da última década, mais uma coleção de nove excelentes canções e que elevam os Moon Duo para um patamar superior de qualidade e de inedetismo quando se compara este trabalho com tudo o que a dupla apresentou até então.

Quem conhece com algum detalhe a típica sonoridade dos Moon Duo vai reparar, logo a partir de Wilding, na maior amplitude do trabalho de produção, com a procura de uma textura sonora mais aberta, melódica e expansiva. Aquele pendor algo lo fi que muitas vezes era percetivel na própria distorção das guitarras, foi substituido por um maior vigor do baixo e também pela chamada deste instrumento para a linha da frente na arquitetura sonora, que tem agora, frequentemente, as luzes da ribalta e um maior protagonismo.

É perigoso afirmar que os Moon Duo estão mais direcionados para o punk rock, apesar de Animal, um dos singles já retirados de Shadow Of The Sun, ser um espetacular tratado do género, aditivo, rugoso e viciante, até porque a sensibilidade do teclado de Yamada, que nos leva rumo à pop psicadélica dos anos setenta e os solos e riffs da guitarra de Ripley, a exibirem linhas e timbres muito presentes na country americana e no chamado garage rock, continuam a fazer parte do menú. Mas neste Shadow Of the Sun é justo afirmar que estão mais corajosos e abertos a uma saudável experimentalismo que não os inibe de se manterem concisos e diretos, mas mostra novos atributos e maior competência no modo como separam bem os diferentes sons e os mantêm isolados e em posição de destaque, durante o processo de construção dos diferentes puzzles que dão substância às canções. Se as linhas de teclado sublimes de Slow Down Low e o efeito da guitarra em In A Cloud são apenas dois exemplos da obediência à herança e ao traço contido nos genes dos Moon Duo, é evidente, noutros casos, o diferente posicionamento melódico da dupla pela busca de canções que causem um elevado efeito soporífero, mas que sejam também mais acessíveis e do agrado de um público mais abrangente. Ice, é o exemplo maior deste passo em frente, uma catarse psicadélica, assente numa batida inspirada que nos faz dançar em altos e baixos divagantes que formam uma química interessante entre o orgânico e o sintético, uma canção onde os Moon Duo apostam todas as fichas numa explosão de cores e ritmos, que nos oferecem um ambiente simultaneamente denso e dançável, em pouco mais de seis minutos que são um verdadeiro compêndio de um acid rock eletrónico despido de exageros desnecessários, mas apoteótico.

Shadow Of The Sun é, como não podia deixar de ser, tendo em conta os autores, uma irrepreensível coletânea de rock psicadélico, proposta por um casal que aposta numa espécie de hipnose instrumental pensada para nos levar numa road trip pelo deserto, com o sol quente na cabeça, à boleia das cordas, da bateria e do sintetizador, uma viagem lisérgica através do tempo, até há quase meio século, em completo transe e hipnose. Da psicadelia, à dream pop, passando pelo shoegaze e agora também pelo chamado space rock, são várias as vertentes e influências sonoras que podem descrever a sonoridade dos Moon Duo, que atravessam o momento mais confiante, criativo e luminoso da sua já respeitável carreira. Espero que aprecies a sugestão...

Moon Duo - Shadow Of The Sun

01. Wilding
02. Night Beat
03. Free The Skull
04. Zero
05. In A Cloud
06. Thieves
07. Slow Down Low
08. Ice
09. Animal

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por stipe07 às 22:16

Tanlines - Slipping Away

Quinta-feira, 05.03.15

Tanlines – “Slipping Away”

Oriundos de Brooklyn, Nova Iorque, os Tanlines são Jesse Cohen e Eric Emm, uma dupla que se distinguiu em 2012 com Mixed Emotions, um extraordinário disco de estreia que já tem, finalmente, sucessor anunciado. Chega a dezanove de maio aos ecaparates, por intermédio da True Panther SoundsHighlights o novo trabalho de um projeto que impressiona pela pop experimental que sugere e que mistura sintetizadores e a eletrónica com uma base de percussão sempre vibrante, muitas vezes a piscar o olho ao chamado afrobeat, numa espécie de indietrónica, adornada com alguns dos habituais detalhes da chillwave e da música de dança.

Reza a lenda que quando a banda se sentou no estúdio para começar a produzir os temas deste novo disco o computador que guardava as demos explodiu, literalmente e que, por isso, as guitarras e a bateria acabaram por passar para a linha da frente da condução melódica dos novos temas da dupla, em deterimento de uma superior primazia dos sintetizadores na estreia e que teria continuidade nas intenções iniciais deste sucessor.

Slipping Away é o primeiro avanço divulgado de Highlights, um single disponivel para download na página oficial da dupla, sendo só necessário fornecer o endereço de email em troca e o indie rock vibrante e festivo será, então, também uma marca importante no disco, com os Tanlines a quererem alargar horizontes de forma ressonante e exótica, com elevação, reflexão, método e entusiasmo. Confere...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por stipe07 às 12:58






mais sobre mim

foto do autor


Parceria - Portal FB Headliner

HeadLiner

Man On The Moon - Paivense FM (99.5)

Man On The Moon · Man On The Moon - Programa 423


Disco da semana 117#


Em escuta...


pesquisar

Pesquisar no Blog  

links

as minhas bandas

My Town

eu...

Outros Planetas...

Isto interessa-me...

Rádio

Na Escola

Free MP3 Downloads

Cinema

Editoras

Records Stream


calendário

Março 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.