Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Hold Your Horses! - Sorry! Household EP

Terça-feira, 17.01.12

Continuo a encontrar nos países nórdicos projetos bastante interessantes, se bem que desta vez fui descobrir em Paris estes Hold Your Horses!, uma banda que se constituiu nessa cidade, mas formada apenas por músicos suecos. E por isso temos aqui uma bela mistura de etnias, numa esfera multicultural e ao mesmo tempo cheia de raiz. Bem vindos então a Sorry! Household, o segundo EP lançado por esta banda em 2011.

Os Hold Your Horses! são uma banda fortemente influenciada pela pop e pelo blues e utilizam diversos instrumentos interessantes, como o violino, o violoncelo, o clarinete, o trompete e a tuba. E não menos importante, contam também com um gracioso coro de vozes.

O EP abre com Cigarettes & Lies uma canção com uma forte componente instrumental e épica, cantada por Florence, uma das vocalistas do grupo. Depois ouve-se 70 Million uma canção que tem andado nas bocas do mundo devido ao magnífico vídeo, que compila obras de arte famosas com a cara dos elementos da banda. Aqui é Charles quem tem a seu cargo a voz principal e se a música começa por parecer uma simples balada, a percussão e o trompete, dão-lhe um caráter bastante orquestral e mais luminoso. We Dear Are a Desert, com o mesmo Charles na voz, é cheia de efeitos e animada; O instrumental cria uma atmosfera bucólica e nostálgica difícil de descrever e de vivenciar como experiência sonora. Sorry! Household finaliza alegremente com Open Water; Florence, Charles e toda a banda, em uníssono, cantam um refrão muito bonito, que até soa a despedida e com uma distorção lá pelo meio bastante original e que à medida que vai sendo abafada pela tuba e a bateria recomeça, dá uma energia e um colorido enorme ao tema; Se as últimas canções costumam dar pistas diferentes e significar alguma rutura em relação ao resto do trabalho, instrumentalmente esta última atesta toda a coerência sonora da obra em si.

O EP é tão curtinho que pode ser ouvido várias vezes em modo repeat e sem cansar. A cada audição consegue-se perceber mais barulhinhos escondidos nas audições anteriores. Este EP é a prova viva de que o sucesso de uma banda poderá estar em encontrar a fórmula mágica em termos sonoros; E isso parece-me que os Hold Your Horses! já alcançaram. De longe. Espero que aprecies a sugestão...

01. Cigarettes And Lies
02. 70 Million
03. We Dear Are A Desert
04. Boston Tea Party
05. Open Water

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por stipe07 às 20:53

Curtas... XXIV

Terça-feira, 17.01.12

 

Responsáveis por composições sempre caóticas e marcadas pela experimentação, os nova-iorquinos Black Dice preparam para os próximos meses o lançamento de mais um álbum de estúdio. Denominado Mr. Impossible, o disco virá para substituir o aceitável Repo, de 2009. Com o primeiro single do trabalho, Pigs, a banda já evidencia boa parte do que viremos a encontrar com a chegada do álbum, que deve proporcionar mais uma série de ruídos catastróficos e desconcertantes.

 

Desde meados de 2011 que os Fanfarlo andam a atiçar e a aguçar o apetite de todos aqueles que, como eu, ficaram abismados com Reservoir, um dos discos que mais se ouviu lá por casa nos dois últimos anos. E parece que a espera pelo segundo álbum de estúdio está a chegar ao fim, o aguardadíssimo Rooms Filled With Light. Pelas amostras que já conheço, os Fanfarlo não vão correr grandes riscos e manter-se-ão fiéis à fórmula que tanto sucesso lhes rendeu, ou seja, este novo álbum irá seguir as mesmas experiências do disco de estreia. E o novíssimo Shiny Things também o demonstra...

  

Há algum tempo, Stephen Merritt, líder dos The Magnetic Fields anunciou que Love At The Bottom Of The Sea, é o disco de originais que a banda irá lançar em 2012, tendo na ocasião referido que será um trabalho de retorno às raízes mais acústicas do grupo, algo que já me parece evidente no primeiro single entretanto divulgado, Andrew In Drag. Love At The Bottom Of The Sea tem data prevista de lançamento o início de março, através da etiqueta Merge Records. Confere... 

The Magnetic Fields - Andrew in Drag by MergeRecords

 

Ao que tudo indica, Nathan Williams não deve deixar 2012 sem apresentar um novo álbum do projeto Wavves. Irrequieto, o músico vem desde 2008 assumindo uma série ininterrupta de lançamentos e que tenho procurado divulgar. Agora, e enquanto não chega o tal novo álbum, este músico californiano lançou na rede uma cover obscura e sujíssima de Hybrid Moments, um original de uma banda de Nova Jersey chamada Misfits. Esta canção faz parte do álbum Static Age, lançado em 1997 e encaixa perfeitamente na sonoridade dos Wavves. Confere...

Wavves - Hybrid Moments (Misfits cover) by bratrommis

 

 

Tendo em conta o género musical em questão e à semelhança dos The Vaccines em 2011, a banda americana Howler é uma das maiores promessas para 2012 e também usam pequenas canções de indie-rock, com guitarras rápidas e uma ligeira inspiração nos The Strokes, pois até partilham a mesma editora.

America Give Up é o álbum de estreia, com lançamento marcado para esta semana e, para já, disponibilizo o stream do álbum. São cerca de quarenta minutos que não desiludem. Para ouvir, basta clicar aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por stipe07 às 20:47






mais sobre mim

foto do autor


Parceria - Portal FB Headliner

HeadLiner

Man On The Moon - Paivense FM (99.5)

Man On The Moon · Man On The Moon -Programa 422


Disco da semana 117#


Em escuta...


pesquisar

Pesquisar no Blog  

links

as minhas bandas

My Town

eu...

Outros Planetas...

Isto interessa-me...

Rádio

Na Escola

Free MP3 Downloads

Cinema

Editoras

Records Stream


calendário

Janeiro 2012

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.