Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Maria Rita - Samba Meu

Segunda-feira, 07.09.09

Voltando aos discos...

Tenho voltado um pouco ao passado, nomeadamente à redescoberta da música brasileira, género musical que fez parte do meu quotidiano durante grande parte da minha vida. Confesso que tem sido um regresso agradável até porque, como é óbvio, tenho tido algum critério e uma excelente motivação!

Assim, a Bossa Nova e o samba mais Paulista e da Baía, do que propriamente o samba do Rio, têm sido as minhas opções.

Por isso, a minha última descoberta musical chama-se Maria Rita, uma das novas e mais influentes vozes da música brasileira actual. 

Maria Rita, filha de dois ícones da música brasileira, Elis Regina e Cesar Camargo Mariano, começou a cantar profissionalmente somente aos 24 anos. Acerca desta entrada já um pouco tardía no mundo da música ela afirmou em tempos: encaro a vida como um grande processo feito de vários pequenos processos no caminho. Sempre quis cantar. Mas a questão não era querer. Era porquê. Não gosto de fazer nada sem ter um porquê. Fica mais fácil quando você tem um objetivo, uma meta. O motivo passou a existir quando percebi que ficaria louca se não cantasse.

Hoje, com 30 anos, não se pode queixar dos resultados que já alcançou; O seu primeiro disco, Maria Rita, lançado em Setembro de 2003, vendeu mais de 1 milhão de cópias em todo o mundo. Nessa altura também lançou o seu primeiro DVD, com o mesmo título e que chegou à marca de 150 mil cópias. Tanto o disco como o DVD foram lançados em mais de 30 países, incluindo Alemanha, Argentina, Áustria, Bélgica, Canadá, Chile, Colombia, Dinamarca, Equador, Finlândia, França, Inglaterra, Itália, Japão, Coreia do Sul, República Checa, México, Holanda, Noruega, Portugal, Suécia, Suíça e Venezuela. 

A tournée de promoção deste disco durou 18 meses e teve cerca de 160 concertos, em vários países, quase sempre completamente lotados.
Em 2004, Maria Rita continuou a recolher os louros de Maria Rita e venceu o Grammy Latino nas categorias Revelação do Ano, Melhor Álbum de MPB e Melhor Canção em Português e recebeu também o Prémio Faz a Diferença, oferecido pelo jornal O Globo, entre outros. A Festa? é sem dúvida a música mais conhecida deste seu primeiro álbum.

Maria Rita lança Samba Meu, em Setembro de 2007, produzido por Leandro Sapuchay e que, conforme o título indica, vem recheado de grandes sambas de compositores inéditos, dos quais se destacam  Arlindo Cruz e Franco. Há também uma versão de O Homem Falou, de Gonzaguinha, que contou com a participação da Velha Guarda da Mangueira.

Se o samba não era a principal influência do seu primeiro disco, Maria Rita referiu que também não se tornou sambista com Samba Meu e que não tem pretensões de vir a sê-lo. Diz que quis apenas fazer música mais simples, alegre e descontraída do que aquela que se podia ouvir em Maria Rita. Os tradicionais arranjos de piano, baixo e bateria, que eram a marca registada da filha de Elis Regina, neste disco ganham a companhia da cuíca, do violão e de variados instrumentos de percussão.

Logo na primeira música de  Samba Meu ela demonstra alguma timidez e humildade por pisar este território musical, deixando logo claro que o faz sem pretensões de maior, apenas pela diversão!

 

Meu samba não quer ver você tão triste

Meu samba vai curar a dor que existe

Meu samba vai fazer ela dançar

É o samba certo pra você cantar

 

Maria Rita acaba por ser muito feliz ao entrar e desfilar pela passerelle do samba; Penso que ela caiu no samba de forma descontraída, feliz e cheia de ginga, como se diz no Brasil! Quem gostar do género ficará deliciado! Não é samba para multidões ou para tirar o pé do chão, como o samba de Daniela Mercury ou Ivete Sangalo. É, quanto a mim, um samba melhor, porque, sendo menos acelerado, é mais rico, insinuante, sofisticado, provocador e intenso... Pelo menos é o que eu acho! :) 


Capa

1. Samba Meu
2. O Homem Falou
3. Maltratar, Não é Direito
4. Num Corpo Só
5. Cria
6. Está Perdoado
7. Pra Declarar Minha Saudade
8. O Que é o Amor
9. Trajetória
10. Mente ao Meu Coração
11. Novo Amor
12. Maria do Socorro
13. Corpitcho
14. Casa de Noca

 

Fica a letra da minha música preferida do disco - O Que é o Amor
 

Se perguntar o que é o amor pra mim
Não sei responder
Não sei explicar
Mas sei que o amor nasceu dentro de mim
Me fez renascer
Me fez despertar

Me disseram uma vez
Que o danado do amor pode ser fatal
Dor sem ter remédio pra curar
Me disseram também
Que o amor faz bem
E que vence o mal
E até hoje ninguém conseguiu definir
O que é o amor

Quando a gente ama brilha mais que o sol
É muita luz
É emoção
O amor
Quando a gente ama é o clarão do luar
Que vem abençoar o nosso amor
 

E a versão ao vivo, incluída no DVD Samba Meu...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por stipe07 às 15:30






mais sobre mim

foto do autor


Parceria - Portal FB Headliner

HeadLiner

Man On The Moon - Paivense FM (99.5)

Man On The Moon · Man On The Moon - Programa 423


Disco da semana 117#


Em escuta...


pesquisar

Pesquisar no Blog  

links

as minhas bandas

My Town

eu...

Outros Planetas...

Isto interessa-me...

Rádio

Na Escola

Free MP3 Downloads

Cinema

Editoras

Records Stream


calendário

Setembro 2009

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.