Domingo, 29 de Novembro de 2009

Noah And The Whale

Sugeriram-me Blue Skies dos Noah And The Whale e gostei muito... Foi uma excelente forma de começar o dia!

 

 

Não sei nada sobre esta banda mas em breve vou saber mais.

Obrigado pela dica Tiago; Um grande abraço daqui até Barcelona. 

feeling:
music: Blue Skies - Noah And The Whale

autor stipe07 às 09:34
link do post | comenta / bad talk | See the bad talk... (1) | The Best Of... Man On The Moon...
|
Sábado, 28 de Novembro de 2009

Stáralfur & Shirin Ebadi

Esta noite sonhei com uma localidade islandesa chamada Álafoss...

E no meu sonho ouvi os violinos e o piano de Stáralfur... E a voz de Jonsí.

Ao acordar, nem hesitei ao escolher o disco...

E voltei a sonhar... Agora acordado!

Dedico este post a Shirin Ebadi, primeira mulher a ser formada Juíza no Irão, vencedora do Prémio Nobel da Paz em 2003 e fervorosa defensora dos direitos humanos. Esse prémio, assim como a Legião de Honra com que a França a homenageou, foram recentemente confiscados pelo estado iraniano, supostamente por evasão fiscal.

Esta notícia deixou-me ainda mais perplexo quando descobri que o prémio de 1,3 milhões de dólares relativo ao Nobel tinha sido doado pela juíza a organizações não-governamentais que apoiam os prisioneiros politicos iranianos e suas famílias.

Já em 2000, Shirin tinha sido despejada numa cela da prisão de Evin, a mesma cadeia de Teerão onde o seu cunhado de 17 anos, Fuad, tinha sido condenado à morte e enforcado. Muito recentemente, o seu marido, o Engenheiro Javad Tavassolian foi preso e brutalmente espancado, sem lhe ter sido imputado qualquer tipo de acusação.

 

 

feeling:
music: Stáralfur

autor stipe07 às 14:07
link do post | comenta / bad talk | The Best Of... Man On The Moon...
|
Sexta-feira, 27 de Novembro de 2009

Nada Surf - Inside Of Love

Estou viciado nesta canção...

 

 I wanna know what it's like
On the inside of love
I'm standing at the gates
I see the beauty above

 

Muito Bom!!!

watching terrible tv
it kills all thoughts
Getting spacier than
An astronaut
Making out with people
I hardly know or like
I can't believe what i do
Late at night

I wanna know what it's like
On the inside of love
I'm standing at the gates
I see the beauty above

Only when we get to see
The aerial view
Will the patterns show
We'll know what to do
I know the last page so well
I can't read the first
So i just don't start
It's getting worse
[chorus]
I wanna know what it's like
On the inside of love
I'm standing at the gates
I see the beauty above

I wanna know what it's like
On the inside of love
I can't find my way in
I try again and again

I'm on the outside of love
Always under or above
I can't find my way in
I try again and again

I'm on the outside of love
Always under or above
Must be a different view
To be a me with a you

I wanna know what it's like
On the inside of love
I'm standing at the gates
I see the beauty above

I wanna know what it's like
On the inside of love
Of course i'll be alright
I just had a bad night

 

Já agora e para quem se interessa por saber mais, os Nada Surf são originários de Brooklin, NY e catalogados como uma banda de rock alternativo. Há quem já os tenha apelidado de Beatles da nova geração. Os primeiros passos da banda foram dados no final da década de 80, quando Matthew Caws e Daniel Lorca Caws, amigos dos tempos de escola, decidiram unir esforços, depois de algumas passagens por outros projectos anónimos.
Because Because Because foi o estranho primeiro nome dado ao projecto que em 1993 alterou definivamente para Nada Surf. Neste ano a banda também sofreu alguns reajustes; Ira Elliot substituiu o baterista original e passou a acompanhar Matthew e Daniel, formação que se mantém ainda hoje.

 


 

Como é natural nestas coisas da música, os Nada Surf começaram a dar nas vistas nos Estados Unidos, tendo assinado contracto com uma editora independente. Se no país Natal as coisas até começaram bem, o mesmo não aconteceu por cá, na Europa, uma vez que a primeira tentativa para a edição do primeiro material da banda não surtiu efeito.
O grupo não desistiu e em 1996 assinaram contracto com a editora Elektra, que garantiu a promoção e distribuição do primeiro disco de originais da banda no Velho Continente.
High Low, com produção de Ocasek, mostrou temas carregados de energia, com natural destaque para Popular, o single que deu a conhecer ao mundo os Nada Surf. Ainda me lembro bem dessa música!
Nos EUA há quem compare os Nada Surf aos Weezer e, como já referi, há quem compare os Nada Surf aos Beatles. E depois há quem, como eu, não os compare a ninguém... Talvez seja essa a melhor definição para os Nada Surf; são eles próprios!

A discografia da banda é a seguinte;

 

High/Low (1996)

The Proximity Effect (1998)

Let Go (2003)

The Weight Is A Gift (2005)

Lucky (2008)

 

Fica o Myspace da banda e  AQUI o link para o site oficial. O espaço é muito bonito e bastante interactivo; vale bem a pena a visita!

feeling:
music: Nada Surf - Inside Of Love
tags: ,

autor stipe07 às 14:33
link do post | comenta / bad talk | The Best Of... Man On The Moon...
|
Quarta-feira, 25 de Novembro de 2009

Bohemian Rhapsody & Marretas

Fez ontem dezoito anos que desapareceu Freddie Mercury e com ele os Queen, apesar das tentativas de ressurgimento da banda, impulsionadas quase sempre por Brian May.

Bohemian Rhapsody sempre foi a minha música preferida dos Queen. E este clássico é, sem dúvida, uma das músicas mais populares e adoradas de sempre, alvo de inúmeras covers e versões, das quais destaco a dos Flaming Lips.

Entretanto, os Marretas de Jim Henson, contemporâneos da banda, resolveram também fazer a sua própria versão; O resultado final é hilariante!!
Estão lá todos os personagens; o urso Fozzie, o sapo Cocas, o rato Rizzo, o Doutor Bunsen Honeydew, o Gonzo, a águia Sam, a banda Dr Teeth and the Electric Mayhem, os velhotes do camarote Statler & Waldorf (as minhas personagens preferidas da série!), Rowlf o cachorro (sentado à bateria só consegue cantar Mammaaaaa!!!!! Muito bom...) e a Miss Piggy no final, sentada ao piano, só para citar os mais conhecidos!

Se nunca viram um vídeo recomendado neste blog, esta é uma boa altura para o fazer, acreditem!

Jim Henson ia ficar orgulhoso se pudesse ver e ouvir esta versão... E o Freddie Também!

 

feeling:
music: Queen - Bohemian Rhapsody

autor stipe07 às 22:33
link do post | comenta / bad talk | See the bad talk... (1) | The Best Of... Man On The Moon...
|

Mais uma Aparição!

Alguém sabe quem é este tipo? 

 

É considerado pelos entendidos (e por mim também) como um dos melhores bateristas das últimas duas décadas do Séc. XX...

Ainda não chegaste lá? Pois... Tirando alguns famosos, como Phil Collins e Dave Grohl, os bateristas são sempre aqueles tipos que ficam lá atrás, escondidos na bateria, raramente cantam e nas fotos de família das bandas primam quase sempre pela discrição. E este era um baterista bastante discreto! 

Deixo outra pista mais evidente...

 

 

E agora? Estão a ver o tipo lá ao fundo, de preto, escondido atrás da bateria? O seu nome é Bill Berry.

 

Em 1995, durante um concerto na Suiça, Bill Berry sofre um aneurisma cerebral em palco, fica entre a vida e a morte, é operado, entra num longo processo de reabilitação, recupera e ainda participa na gravação de um dos melhores discos dos R.E.M., New Adventures In Hi-Fi. Dois anos depois abandona a banda amigavelmente, cansado do mundo da música e porque queria uma mudança radical na sua vida. Ficam famosas as suas palavras na hora da despedida; I have to go but I need to know that you will continue! 

Entretanto comprou um rancho e é hoje um agricultor bem sucedido!

Bill já tinha aparecido em público, com a banda, num pequeno concerto em Athens - Geórgia (terra natal da banda e do músico), em Outubro de 2005 e também em 2007, no espectáculo em que a banda foi inserida no Rock And Roll Hall Of Fame;

E eis que Bill Berry surgiu de novo há umas semanas atrás, com a maioria dos elementos dos R.E.M. e novamente em Athens.

Desta vez a aparição rara deu-se num concerto dos Minus 5, projecto paralelo de Peter Buck e Mike Mills, onde também tocam Steve Wynn dos Dream Sindicate e Scott McCaughey dos The Young Fresh Fellows (este músico também tem tocado nos últimos discos e concertos dos R.E.M.). O concerto decorreu num dos bares mais famosos desta pequena cidade universitária onde a banda nasceu, o 40 Watt Club. Juntos tocaram uma cover de The Ballad of John and Yoko, dos Beatles e The McCoys e Hang On Sloopy, dois originais dos Minus 5.

Fica o vídeo dessa aparição rara onde Bill, apesar dos seus 51 anos e de uma vida dura no campo, mostra estar ainda em forma em frente a uma bateria...

feeling:
music: Minus 5 - The McCoys

autor stipe07 às 22:20
link do post | comenta / bad talk | The Best Of... Man On The Moon...
|
Terça-feira, 24 de Novembro de 2009

Milagre (&) de Natal...

Poster de «O Milagre em Sant'Anna»

Depois de The Inglorious Basterds de Quentin Tarantino, surge no final deste ano mais um filme que aborda uma das minhas temáticas histórias predilectas, a II Guerra Mundial e que se desenrola num dos cenários europeus que mais me atrai e que faz parte das minhas prioridades futuras de viagens, a Itália mediterrânica.

Realizado por Spike Lee, o Milagre em Sant'Anna é um épico que decorre no conflito acima referido, já depois da Itália ter abandonado o Eixo e este belo país ter-se tornado num dos campos de batalha mais mortíferos do conflito, por ser uma porta privilegiada de acesso à Alemanha de Hitler.

O filme, com um enredo bem mais sério, dramático e realista que a obra de Tarantino, narra a história de quatro soldados afro-americanos pertencentes à Companhia Buffalo Soldiers *, estacionada na zona da Toscânia. Eles experimentam a tragédia e o triunfo da guerra durante o avanço dos Aliados em direcção a Roma, no ano de 1944, depois do desembarque em Anzio e durante a batalha pela ocupação do Mosteiro nos Montes Casino. Numa missão estes soldados ficam encurralados atrás das linhas inimigas e separados da restante unidade, porque um deles arriscou a própria vida para salvar um menino italiano de um massacre.

Assim, a história é inspirada no massacre de Sant’Anna di Stazzema, ocorrido em Agosto desse ano, um dos episódios mais macabros do conflito,  planeado e executado pelas Waffen SS, a policia politica nazi, em retaliação pelas actividades da resistência italiana, bastante activa após a deposição de Mussolini. Pelo que já percebi, uma cabeça esculpida da Ponte Santa Trinita, da cidade de Florença, acaba por ser também preponderante para o enredo do filme.

Spike Lee, ícone do cinema afro-americano,  sempre abordou a temática racial nos seus filmes, tal como comprovam Do The Right Thing (1989), Jungle Fever (1990) e o mais conhecido Malcom X (1992). Também foi sempre um crítico dos filmes de guerra de Hollywood por raramente mostrarem soldados afro-americanos. Ainda recentemente esteve envolvido numa forte polémica com Clint Eastwood porque em As Bandeiras dos Nossos Pais As Cartas de Iwo Jima, Eastwood não usou um único personagem afro-americano.

Há quem veja em  O Milagre em Sant'Anna um forte concorrente aos Óscares.

Fica o trailer...

* (Os Buffalo Soldiers são uma Companhia do 25º Exército Americano. Esta Companhia encontra as suas raízes na guerra civil americana, no Exército da União; desde aí é constituída exclusivamente por recrutas afro-americanos).

 

 

 

Robert Zemeckis e a Disney recriaram o conhecido clássico de Charles Dickens, Um Conto de Natal, numa versão animada em 3D. Desta vez é Jim Carrey quem encarna a voz do avarento Ebenezer Scrooge que, como todos sabemos, entra na noite de natal em solidão e com o seu habitual mau humor, gritando com maus modos ao seu fiel empregado (Gary Oldman) e ao seu alegre e carinhoso sobrinho (Colin Firth). Mas quando os fantasmas do Natal Passado, Presente e Futuro o levam numa viagem reveladora de muitas verdades, Scrooge vai ter de abrir o seu coração e emendar alguns erros antes que seja tarde demais…

 Fica o trailer...

feeling:
music: U2 - Stay (Faraway So Close)
tags:

autor stipe07 às 22:10
link do post | comenta / bad talk | The Best Of... Man On The Moon...
|
Segunda-feira, 23 de Novembro de 2009

Playlist da Semana 23.11.09

Katie Herzig - Fools Gold

 

The Kinks - You Really Got Me

 

The XX - Crystalised

 

Wolf Gang - The King and All Of His Men

 

Kings Of Convenience - Cayman Islands

 

Moby - Sunday The Day Before My Birthday

 

Beat! Beat! Beat! - Fireworks

 

The Bravery - Believe

 

Arcade Fire - Vampire Forest Fire

 

R.E.M. - Mad World

 

feeling:
music: The XX - Crystalised

autor stipe07 às 10:35
link do post | comenta / bad talk | The Best Of... Man On The Moon...
|
Sexta-feira, 20 de Novembro de 2009

R.E.M. de regresso em 2010?

A melhor banda do mundo voltou ao estúdio e poderá estar de volta em 2010.

 

 

Os R.E.M. começaram a trabalhar no seu novo disco, que será o seu 15º de originais. Para isso já se reuniram no estúdio com Jacknife Lee, que trabalhou com a banda em Accelerate (2008), de acordo com um post colocado no site da banda, Remhq.com.

Michael Stipe colocou também no site dois vídeos que ele próprio gravou no estúdio. Apesar de não ouvirmos a voz de nenhum elemento da banda, é possível ouvir alguns sons das novas músicas em que a banda está a trabalhar. Em breve deverão haver mais novidades! Aceita-se apostas acerca da sonoridade do novo disco! Aposto em nova cambalhota...

 

Entretanto partilho Walk Unafraid, a música dos R.E.M. que mais tenho ouvido nos últimos dias. Integra o álbum UP (2008) e a versão que deixo foi tocada num concerto da banda em Madrid.

Walk Unafraid fala da importância de sermos corajosos na vida e que se cometemos erros é porque somos humanos! Importa aprender com os mesmos para que não se repitam e prosseguir o nosso caminho sem medo! Acaba por me fazer lembrar Falls To Climb, outra música de UP, onde a banda pede que nos levantemos e sigamos em frente sempre que algo nos faz cair.

Em 2010 espero que as novidades da banda tragam mais disto...

 

As the sun comes up, as the moon goes down
These heavy notions creep around
It makes me think
Long ago I was brought into this life, a little lamb
A little lamb
Courageous, stumbling
Fearless was my middle name
But somewhere there I
Lost my way
Everyone walks the same
Expecting me to step
The narrow path they've laid
They claim to

Walk unafraid
I'll be clumsy instead
Hold my love me or leave me
High

Say "keep within the boundaries if you want to play"
Say "contradiction only makes it harder"
How can I be
What I want to be?
When all I want to do is strip away
These stilled constraints
And crush this charade
Shred this sad masquerade
I don't need no persuading
I'll trip, fall, pick myself up and

If I have a bag of rocks to carry as I go
I just want to hold my head up high
I don't care what I have to step over
I'm prepared to look you in the eye
Look me in the eye
And if you see familiarity
Then celebrate the contradiction
Help me when I fall to

 

feeling:
music: Walk Unafraid
tags:

autor stipe07 às 15:07
link do post | comenta / bad talk | The Best Of... Man On The Moon...
|
Quinta-feira, 19 de Novembro de 2009

The XX - The Next Big Thing?

The XX são mais uma das novas bandas britânicas a fazer furor em 2009 e candidatas a The Next Big Thing da cena índie, um dos meus universos musicais preferidos.

Formados em 2005 e oriundos de Londres, os The XX são Jamie Smith, Romy Madley, Oliver Sim e Baria Qureshi e o NME acaba de os colocar em 9.º lugar na lista das bandas mais promissoras para a próxima década.

O seu primeiro álbum homónimo, XX, foi lançado a 17 de Agosto pela Young Turks.

 the xx

Apesar de faltar um X para o elogio lhes assentar na perfeição, a estreia discográfica dos The XX é pornograficamente boa!!!

São novinhos, não soam a ninguém que eu conheça e a verdade é que acertaram no alvo à primeira. XX escapa às catalogações existentes, apesar de se poder ouvir paisagens recheadas de referências new wave e post-punk e explora um lado bastante enigmático, possuindo um minimalismo inquietante! Ouve-se no disco guitarras simples mas marcantes e  as vozes convivem na perfeição com o silêncio proporcionado pela quantidade diminuta de camadas sonoras (detectei alguns momentos Fujiya & Miyagi em várias canções). E depois ouve-se uma espécie de bateria electrónica que dá uma atmosfera muito peculiar e única ao som da banda! 

Este disco é para ouvir de um só fôlego! XX tem como pontos nevrálgicos a funk Islands, a belíssima Shelter e a imensamente sensual e quente Infinity.

A sonoridade dos The XX soa, quanto a mim, bem mais francesa do que inglesa; E para este caso concreto, a minha modesta opinião deve ser considerada um elogio! Confesso que está a ser um enorme prazer e uma bela surpresa descobrir estes tipos... 

O sucesso do álbum de estreia dos The XX já chegou aos ouvidos de músicos como Michael Stipe dos R.E.M., que assistiu a um concerto da banda em Paris e Courtney Love, viúva de Kurt Cobain.

Aconselho uma visita ao site oficial da banda AQUI e deixo link para download de um dos singles de XX;

 

The XX - Basic Space

 

Fica também o excelente vídeo, realizado por Anthony Dickenson;

 

feeling:
music: The XX - Basic Space
tags:

autor stipe07 às 14:44
link do post | comenta / bad talk | The Best Of... Man On The Moon...
|

Hélio dos Passos

Chama-se Hélio dos Passos a minha mais recente descoberta musical...

Ninguém dança ou canta de uma forma tão quente, vibrante e sensual... É único, mais que não seja, pelo abanar da anca, o bater da perna, o strip da camisa... Muito bom! Merece o meu destaque.

Quanto ao tema Morena do Rio Turvo... Há poucas letras assim, tão bem escritas e tão comoventes. Reparem....

 

Na costa do rio turvo
conheci uma morena
fui descendo fui subindo
escrevi-lhe um poema

quando a balsa foi cruzar
um olhar me sequestrou
a morena muito linda
procurando onde estou

nesse vale misterioso
ninguém sabe o que ele tem
o silencio é quebrado
quando surge algum trem

encontraram um pé de amora
morena, por favor
não esqueça de olhar
pois eu lhe deixei uma flor

morena, tu és linda
não me deixe com essa dor
se sair desse baile
leva contigo o meu amor

 

Mais sobre Hélio dos Passos AQUI e AQUI, incluindo tournée e cachet para quem estiver interessado! Espreitem...

 

feeling:

autor stipe07 às 09:03
link do post | comenta / bad talk | See the bad talk... (1) | The Best Of... Man On The Moon...
|

eu...

Powered by...

stipe07

Em escuta...

Facebook

Twitter

Twitter

Man On The Moon - Paivense FM (99.5)

Outubro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9



31


posts recentes

Twin Hidden – Join Hands

The Twilight Sad – Nobody...

Yes I´m Leaving - Slow Re...

Belle & Sebastian – Party...

Los Waves - This Is Los W...

San Cisco – Run

Caged Animals – The Overn...

Fleeting Youth Records - ...

DRLNG - Icarus EP

Tashaki Miyaki – The Beau...

Allah-Las – Worship The S...

Blue Hawaii – Get Happy /...

Gut und Irmler - 500M

Panda Bear - Noah EP

Dirt Dress - Twelve Pictu...

Thurston Moore – The Best...

VLMA - Slime

Foxes In Fiction - Ontari...

Swim Mountain - Swim Moun...

The Smashing Pumpkins - B...

X-Files

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

tags

todas as tags

take a look...

Procura...

 

Visitors (since 31.05.12)

blogs SAPO

subscrever feeds